Por defeito, este site usa cookies. Estes cookies destinam-se a otimizar a sua experiência de navegação neste site. Saiba mais

Gama Stuv engloba salamandras e recuperadores de calor

Por suporte 23/03/2017 0 Comentários

Por que motivos é que a marca Stuv se distingue tanto de outras empresas?

É verdade que actualmente existe uma forte concorrência no mercado dos aquecimentos a lenha.

No entanto, há sempre algumas marcas que acabam por se distinguir, devido a uma história de largos anos, repleta de artigos com uma funcionalidade exemplar e com um impacto estético único.

Vejamos, por exemplo, o caso da Stuv e de alguns dos produtos mais importantes pertencentes a esta empresa.

No capítulo dos recuperadores de calor a lenha, sempre se pode destacar o modelo Dupla Face 2175.

Afinal de contas, trata-se de um equipamento da Stuv que tem a capacidade de conferir um toque especial à decoração de qualquer habitação, uma vez que o Dupla Face 2175 integra linhas sóbrias e requintadas, que, inclusive, favorecem a visão das labaredas.

stuv

Quanto às salamandras, temos a Stuv 30 Up.

Este aparelho permite uma mudança de fisionomia, havendo três variantes diferentes.

Sendo assim, a Salamandra Stuv 30 Up combina bem em qualquer ambiente, tendo capacidade para expandir calor e tranquilidade em todos os lares onde é inserido.

Este aquecimento da Stuv é também uma das salamandras a lenha a preços acessíveis mais eficazes do mercado.

Se a esta variedade e eficácia juntarmos ainda a singularidade do design das suas linhas, temos o resultado perfeito: um equipamento versátil, prático e bonito.

Cuidados essenciais para a manutenção e instalação de salamandras e recuperadores de calor

Já que falámos de exemplares de salamandras e de recuperadores de calor, aproveitamos para enumerar alguns cuidados extremamente importantes para a instalação e manutenção destes aquecimentos.

Por exemplo, nas duas primeiras vezes em que se acende os recuperadores de calor, é melhor estar preparado para um cheiro e névoa intensos que se libertam imediatamente, visto que o equipamento é novo.

Por outro lado, este tipo de aquecimentos deve sempre ser aceso, com recurso a uma lenha pequena e de fácil combustão, de preferência pinho seco.

A lembrar ainda que é aconselhável abrir lentamente a porta do recuperador para evitar que o fumo se espalhe pela sala.

As salamandras também exigem imensos cuidados.

Um dos mais óbvios é a limpeza anual da chaminé.

Embora uma empresa especialista neste tipo de serviços cobre entre 30 a 50 euros, nunca se esqueça de que reparar uma chaminé de uma salamandra a lenha, devido a um incêndio, poderá sair muito mais caro, para além de esse incidente estar na origem de outras consequências muito sérias… Já agora, fixe outra regra: nunca se deve apagar o fogo com água! É que esta atitude pode causar uma fissura do ferro fundido.

Eis um conselho que engloba tanto as salamandras, como os recuperadores de calor: estes aquecimentos têm de ser instalados a uns metros de distância de materiais combustíveis. 

Para além das salamandras e recuperadores de calor, a empresa Pedra e Decoração disponibiliza lareiras Stuv, embora tenha equipamentos de outras marcas